Publicado em

Caixa divulga editais dos Concursos Públicos com 4050 vagas

Caixa divulga editais dos Concursos Públicos com 4050 vagas

Caixa Econômica Federal divulgou nesta quinta-feira, 22, dois editais de Concursos Públicos a fim de preencher 4050 vagas, no regime celetista.

O edital nº 1 – Nível Médio conta com 3.200 vagas imediatas além de 800 destinadas à formação de cadastro reserva para os cargos de Técnico Bancário Novo e Técnico Bancário Novo – Tecnologia da Informação.

As oportunidades de Técnico Bancário Novo estão distribuídas nos seguintes Polos: Rio Branco – AC, Sena Madureira – AC, Maceió – AL, Humaitá – AM, Itacoatiara – AM, Manaus – AM, Parintins – AM, Tabatinga – AM, Macapá – AP, Alagoinhas – BA, Barreiras – BA, Feira de Santana – BA, Itabuna – BA, Salvador e Região Metropolitana – BA, Senhor do Bonfim – BA, Teixeira de Freitas – BA, Vitoria da Conquista – CE, Fortaleza – CE, Juazeiro do Norte – CE, Quixadá – CE, Sobral – CE, Brasília DF (Entorno); Cachoeiro do Itapemirim – ES, Colatina – ES, Vitoria – ES, Anápolis – GO, Goiânia – GO, Itumbiara – GO, Uruaçu – GO, Bacabal – MA, Imperatriz – MA, São Luís – MA, Belo Horizonte – MG, Governador Valadares – MG, João Pinheiro – MG, Montes Claros – MG, Teófilo Otoni – MG, Triangulo Mineiro – MG, Varginha – MG, Campo Grande – MS, Corumbá – MS, Dourados – MS, Três Lagoas – MS, Cáceres – MT, Cuiabá – MT, Rondonópolis – MT, Sinop – MT, Cametá – PA, Itaituba – PA, Belém – PA, Castanhal – PA, Marabá – PA, Santarém – PA, Campina Grande – PB, João Pessoa – PB, Patos – PB, Caruaru – PE, Petrolina – PE, Recife – PE, Picos – PI, Teresina – PI, Centro – PR, Curitiba – PR, Noroeste – PR, Norte – PR, Oeste – PR, Região Metropolitana – PR, Costa Verde – RJ, Metropolitana – RJ, Norte Fluminense – RJ, Rio de Janeiro (Capital) – RJ, Sul Fluminense – RJ, Mossoró – RN, Natal – RN, Cacoal – RO, Porto Velho – RO, Boa Vista – RR, Caxias do Sul – RS, Passo Fundo – RS, Pelotas – RS, Porto Alegre (Região Metropolitana) – RS, Santa Maria – RS, Blumenau – SC, Chapecó – SC, Criciúma – SC, Florianópolis – SC, Lages – SC, Aracaju – SE, ABC – SP, Baixada Santista – SP, Bauru/Assis/Marília/Ourinhos – SP, Campinas/Jundiaí/Sorocaba – SP, Guarulhos/Leste – SP, Itapeva/Itapetininga – SC, Osasco – SP, Piracicaba/Botucatu/Jau – SP, Presidente Prudente – SP, Ribeirão Preto – SP, São José do Rio Preto/Araçatuba – SP, São Paulo (Capital) – SP, Sul Santo Amaro – SP, Vale do Paraíba – SP, Araguaína – TO e Palmas – TO.

Já o Técnico Bancário Novo – Tecnologia da Informação pode optar por atuar nas cidades de: Manaus – AM, Brasília – DF, Goiânia – GO, Belo Horizonte – MG, Recife – PE, Rio de Janeiro (Capital) – RJ, Porto Alegre (Região Metropolitana) – RS, e São Paulo (Capital) – SP.

Para se inscrever o candidato deve ter ensino médio completo e disponibilidade para cumprir jornada de 30 horas semanais.

A remuneração equivale a R$ 3.762,00, além de vantagens como: participação nos lucros ou resultados, nos termos da legislação pertinente e do acordo sindical vigente; plano de saúde, plano de Previdência Complementar; auxílio Refeição/Alimentação, vale transporte, auxílio creche; e possibilidade de ascensão profissional e acesso a ações de capacitação e desenvolvimento.

O edital nº 01 – Nível Superior traz 50 vagas distribuídas nos cargos de Engenheiro de Segurança do Trabalho e Médico do Trabalho, com jornadas de 30 e 40 horas por semana e remuneração de R$ 11.186,00 a R$ 14.915,00.

No caso do cargo de Engenheiro de Segurança do Trabalho há 23 vagas imediatas, e cinco para formação de cadastro reserva, enquanto que o Médico do Trabalho conta com 17 vagas imediatas e quatro para cadastro.

Os candidatos que optarem pelo cargo de Médico do Trabalho vão atuar nos estados de GO, MS, MT, AL, CE, MA, PB, PE, PI, RN, SE, AM, PA, ES, MG, RJ, SP, PR e RS, além do DF.

Já se a opção for Engenheiro de Segurança do Trabalho, as vagas estão distribuídas nos seguintes estados: GO, CE, PE, PA, MG, RJ, SP, RS, SC e no DF.

Em ambos os casos é exigido nível superior e registro no respectivo conselho de classe, além de especialização e curso de pós-graduação.

Vale ressaltar que no quantitativo de vagas mencionado, há as que são reservadas para PCD e Negros.

A inscrição deverá ser efetuada, no período entre 10h do dia 29 de fevereiro de 2024 até às 16h do dia 25 de março de 2024, na página da Fundação Cesgranrio. É preciso efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 50,00 e R$ 65,00.

Concurso Público regido pelo edital nº 01 – Nível Médio, consistirá em quatro etapas: provas objetivas, provas de redação, procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas a pessoas negras; procedimentos admissionais para comprovação do atendimento aos requisitos e condições necessárias para contratação e Exames Médicos Admissionais.

As provas objetivas e de Redação e o procedimento de heteroidentificação dos candidatos que se autodeclararem pessoas negras, serão aplicadas, simultaneamente, nas cidades discriminadas no Anexo III do Edital.

A prova de Conhecimentos Básicos para os cargos de Técnico Bancário Novo e Técnico Bancário Novo – Tecnologia da Informação incluirá as seguintes disciplinas: Língua Portuguesa; Língua Inglesa; Matemática Financeira; Noções de Probabilidade e Estatística; Comportamentos éticos e compliance. Já a prova de Conhecimentos Específicos terá as seguintes disciplinas: conhecimentos bancários; conhecimentos de tecnologia da informação e comunicação; conhecimentos e comportamentos digitais e atendimento bancário, de acordo com o cargo pretendido.

Já o Concurso regido pelo edital nº 01 – Nível Superior é composto de Prova objetiva, prova discursiva, avaliação de títulos e demais procedimentos classificatórios.

Para Médico do Trabalho, serão 70 questões de Língua Portuguesa; Língua Inglesa; Conhecimentos e comportamentos digitais; Comportamentos éticos e compliance; Noções de Probabilidade e Estatística. A parte de conhecimentos específicos abordará: Conhecimentos Médicos Gerais; Medicina do Trabalho e Saúde do Trabalhador; e Auditoria Médica e Plano de Saúde.

Enquanto que para Engenheiro de Segurança do Trabalho as questões são de: Língua Portuguesa; Língua Inglesa; Conhecimentos e comportamentos digitais; Comportamentos éticos e compliance; Noções de Probabilidade e Estatística vão compor a parte de conhecimentos básicos.

Vale salientar que de acordo com os editais, a previsão é que a prova objetiva aconteça no dia 26 de maio de 2024.

Em ambos os casos a validade dos Concursos Públicos esgotar-se-á após um ano a contar da data de publicação do Edital de Homologação dos resultados finais, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério exclusivo da Caixa.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/caixa-divulga-editais-dos-concursos-publicos-com-4050-vagas

Publicado em

INMETRO prorroga inscrições do Concurso Público com 860 vagas de nível superior

INMETRO prorroga inscrições do Concurso Público com 860 vagas de nível superior

Estão prorrogadas as inscrições do Concurso Público do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO) a fim de contratar profissionais com nível superior.

As inscrições serão realizadas até às 23h59 do dia 5 de fevereiro de 2024, somente via internet, por meio do site do Idecan. Nesta fase é preciso efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 125,00.

No ato da inscrição, o candidato deverá indicar a cidade na qual irá realizar as provas objetivas e discursivas (Goiânia – GO, Porto Alegre – RS, Brasília – DF, Fortaleza – CE, Salvador – BA e Rio de Janeiro – RJ).

Ainda no ato de sua inscrição, o candidato deverá fazer a opção de Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol) para submeter-se à avaliação na prova objetiva.

De acordo com o edital existem 100 oportunidades imediatas para o cargo de Pesquisador – Tecnologista em Metrologia e Qualidade (60) e Analista Executivo em Metrologia e Qualidade (40), além de 760 para cadastro reserva.

As vagas para Analista Executivo em Metrologia e Qualidade estão distribuídas nas áreas de Governança Pública, Gestão e Suporte (29), Governança Pública, Gestão e Suporte em Ouvidoria (2), Governança Pública, Gestão e Suporte em Educação (1), Governança Pública, Gestão e Suporte em Legislação (3), Governança Pública, Gestão e Suporte em Logística e Infraestrutura (2), Governança Pública, Gestão e Suporte em Segurança do Trabalho (1), Governança Pública, Gestão e Suporte em Tecnologia da Informação (1) e Governança Pública, Gestão e Suporte em Comunicação Institucional (1).

Já no caso do Pesquisador – Tecnologista em Metrologia e Qualidade as áreas são: Relações Internacionais (1), Avaliação da Conformidade (10), Acreditação (10), Metrologia de Tecnologia da Informação e Telecomunicações aplicada à Metrologia Legal (2), Metrologia elétrica e Metrologia da Tecnologia da Informação e Telecomunicações aplicada à Metrologia Científica e Industrial (2), Metrologia Química no âmbito da Metrologia Científica e Industrial (1), Metrologia Aplicada às Ciências da Vida (1), Metrologia de Materiais no âmbito da Metrologia Científica e Industrial (1), Metrologia Científica e Industrial – Geral (laboratórios) (5), Controle Metrológico Legal de mercadorias Préembaladas (1), Vigilância de Mercado (3), Metrologia Legal Aplicada – Geral (laboratório) (4), Supervisão de Atividades Delegadas (5), Fiscalização em Metrologia Legal e Avaliação da Conformidade de Rio Grande do Sul (8), Fiscalização em Metrologia Legal e Avaliação da Conformidade de Goiás (6).

Ao serem contratados os servidores vão fazer jus à remuneração inicial de R$ 8.700,31.

Vale ressaltar que no quantitativo de vagas acima mencionadas, encontram-se as reservadas para candidatos que se enquadrem nos itens especificados no edital.

Como forma de classificar os inscritos serão realizados exame de habilidades e conhecimentos, mediante aplicação de provas objetivas de múltipla escolha; prova discursiva; prova de títulos e experiência profissional; avaliação biopsicossocial e procedimento de heteroidentificação.

As provas objetivas serão realizadas provavelmente no dia 14 de abril de 2024, nas cidades de Goiânia – GO, Porto Alegre – RS, Brasília – DF, Fortaleza – CE, Salvador – BA e Rio de Janeiro – RJ.

Questões de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Língua Estrangeira, Conhecimento sobre o Inmetro, Conhecimentos específicos, concernentes ao cargo a que está concorrendo serão cobradas na prova objetiva.

E, para lhe auxiliar nos estudos, adquira a Apostila Digital deste certame, em nosso site.

O prazo de validade deste Concurso Público será de dois anos, a contar da data de publicação da homologação do resultado final no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual prazo, a critério do INMETRO.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/inmetro-prorroga-inscricoes-do-concurso-publico-com-860-vagas-de-nivel-superior

Publicado em

Petrobras reabre inscrições do Processo Seletivo com mais de 7 mil vagas de nível técnico

Petrobrás reabre inscrições do Processo Seletivo com mais de 7 mil vagas de nível técnico

Petróleo Brasileiro S.A. (Petrobras), reabriu as inscrições do Processo Seletivo destinado à contratação de profissionais de nível técnico júnior.

As inscrições ocorrem via internet, no site da organizadora da seleção, a Cebraspe, entre às 10h do dia 8 de janeiro até às 18h do dia 31 de janeiro de 2024, mediante o pagamento de R$ 62,79 de taxa de participação.

Entretanto, os candidatos que se enquadram nos critérios do edital, podem solicitar a isenção no valor da taxa no período da inscrição.

Outra modificação é que as provas objetivas serão aplicadas nas capitais dos 26 estados da Federação e no Distrito Federal, além das seguintes cidades: Araucária/PR, Betim/MG, Canoas/RS, Cubatão/SP, Duque de Caxias/RJ, Ipojuca/PE, Itaboraí/RJ, Macaé/RJ, Mauá/SP, Paulínia/SP, Santos/SP e São José dos Campos/SP.

Esta seleção oferece 7.328 vagas, sendo que deste número, 916 oportunidades são para a contratação de imediata de profissionais, enquanto 6.412 são destinadas ao cadastramento reserva dos funcionários públicos.

As oportunidades oferecidas destinam-se às atuações nas seguintes áreas: Enfermagem do Trabalho (12); Inspeção de Equipamentos e Instalações (36); Logística de Transportes – Controle (25); Manutenção – Caldeiraria (46); Manutenção – Elétrica (56); Manutenção – Instrumentação (58); Manutenção – Mecânica (78); Operação (254); Operação de Lastro (16); Projetos, Construção e Montagem – Edificações (11); Projetos, Construção e Montagem – Elétrica (11); Projetos, Construção e Montagem – Instrumentação (8); Projetos, Construção e Montagem – Mecânica (30); Química de Petróleo (83); Segurança do Trabalho (91) e Suprimento de Bens e Serviços – Administração (101).

Para se inscrever, é necessário ter curso técnico de nível médio na área de interesse. Quando contratados, a remuneração ofertada aos profissionais varia de R$ 3.446,23 a R$ 5.878,82.

É importante comentar que a atuação dos contratados será destinada aos polos de Ipojuca, Região Sudeste e Sul.

Como forma de classificação, os candidatos inscritos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.

Vale ressaltar que a prova é composta por 100 questões distribuídas entre os conteúdos de conhecimentos básicos e conhecimentos específicos, tendo a duração de quatro horas

O prazo de validade deste Processo Seletivo será de 18 meses, a contar da data de publicação do edital de homologação dos resultados finais, podendo vir a ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério da Petrobras.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/petrobras-reabre-inscricoes-do-processo-seletivo-com-mais-de-7-mil-vagas-de-nivel-tecnico

Publicado em

Concurso Público Nacional Unificado divulga editais com 6.640 vagas de nível médio e superior

Concurso Público Nacional Unificado divulga editais com 6.640 vagas de nível médio e superior

Foram divulgados os editais do Concurso Público Nacional Unificado com 6.640 vagas de nível médio e superior.

As oportunidades foram divididas em blocos que contem o órgão, e os cargos, conforme a seguir discriminado:

Bloco 1: Infraestrutura, Exatas e Engenharias:

  • Advocacia Geral da União (AGU): Arquiteto (5); Engenheiro – Engenharia Agronômica (2), Engenharia Civil (10), Engenharia de Produção (2), Engenharia Elétrica (4);
  • Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel): Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia – Qualquer Área de Conhecimento (10);
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai): Especialista em Indigenismo – Arquitetura (1); Engenharia (20);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): Analista de Gestão e infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas nas especialidades de Arquitetura (1), Engenharia Civil (1), Engenharia Elétrica (1), Engenharia Mecânica (2), Geoprocessamento (8); Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas para as especialidades de Geoprocessamento (53), Cartografia e Geodésia (15), Engenharia de Produção (2), Gestão em Pesquisa (50);
  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra): Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário – Engenharia Civil (51), Engenharia de Agrimensura e Engenharia Cartográfica (75), Engenharia Elétrica (2);
  • Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa): Analista em Ciência e Tecnologia – Engenharia Elétrica ou Eletrônica: (2);
  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI): Analista em Ciência e Tecnologia – Engenharia (2); Engenharia Civil (11); Engenharias e Ciências Exatas (38) e Políticas Públicas de CT&I (17);
  • Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI): Analista de Infraestrutura (AIE) nas especialidades de: Arquitetura (55); Engenharia Civil (142); Engenharia Elétrica, Eletrônica, Telecomunicações, Eletrotécnica ou Energia (73); Arquitetura (14); Engenharia (68); Graduação em qualquer área de conhecimento (5);
  • Ministério da Saúde (MS): Tecnologista – Engenharia Civil ou Arquitetura (2).

Bloco 2: Tecnologia, Dados e Informação

  • Advocacia Geral da União (AGU): Estatístico: (7);
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai): Especialista em Indigenismo – Estatística: (1);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas para as especialidades de Desenvolvimento e Tecnologia da Informação (27); Infraestrutura e Suporte de Tecnologia da Informação (38); Redes e Telecomunicações (5); Estatística (4); Ciência de Dados (3); Estatística (190; Métodos Quantitativos (10); Webdesigner e Produção Gráfica (16);
  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra): Analista Administrativo – Tecnologia da Informação: (6);
  • Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP): Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais – Qualquer área de conhecimento (20);
  • Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa): Analista em Ciência e Tecnologia – especialidade: Tecnologia da Informação: (20);
  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI): Analista em Ciência e Tecnologia – Ciência de Dados (8); Tecnologia da Informação: (11);
  • Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI): Analista em Tecnologia da Informação (ATI) (300); Analista Técnico de Políticas Sociais (ATPS) – Tecnologia da Informação (20); Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) – Qualquer área de conhecimento (15); Estatístico (12);
  • Ministério da Saúde (MS): Tecnologista – Tecnologia da Informação (32);
  • Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc): Analista Administrativo – Tecnologia da informação (6);

Bloco 3: Ambiental, Agrário e Biológicas

  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai): Especialista em indigenismo – Engenharia Agronômica: (31); especialista em indigenismo – Engenharia Florestal (2); especialista em indigenismo – análise pecuária (4);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – Pesquisador em Informações Geográficas e Estatísticas – Geografia (2); Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas para as especialidades de Análise Florestal (4); Análise Agrícola e Pecuária (8); Análise Ambiental (4); Biologia (2); Geografia (11);
  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra): Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário – Engenharia Florestal (17); Engenheiro Agrônomo (159);
  • Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa): Auditor-Fiscal Federal Agropecuário nas especialidades de – Engenharia Agronômica (116); Farmácia (11); Medicina Veterinária (55); Química (12); Zootecnia (6); Tecnologista – Meteorologia ou Ciências Atmosféricas (4);
  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MGI): Analista de Infraestrutura (AIE) – Geociências (30); Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) na especialidade de Ambiental, Agrário e Biológicas (5).

Bloco 4: Trabalho e Saúde do Servidor

  • Advocacia Geral da União (AGU): Médico (3); Psicólogo (10);
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI): Especialista em Indigenismo – Psicologia (6);
  • Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos – MGI: Analista Técnico de Políticas Sociais – ATPS – Graduação em qualquer área de conhecimento (20); Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) – Graduação em qualquer área de conhecimento (10); Médico (16); Médico Medicina-psiquiatria (4); Psicólogo (2);
  • Ministério do Trabalho e Emprego – MTE: Auditor-Fiscal do Trabalho (AFT) Auditoria e Fiscalização: (900).

Bloco 5: Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos

  • Advocacia Geral da União (AGU): Técnico em Assuntos Educacionais – Pedagogia: (20);
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI): Especialista em Indigenismo – Antropologia (19); Assistência Social (21); Indigenismo (152); Pedagogia (2); Sociologia (12);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas – Psicopedagogia (1); Pesquisador em informações geográficas e estatísticas – Demografia (2); Tecnologista em informações geográficas e estatísticas – Demografia (1);
  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra): Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário – Antropologia (58);
  • Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP): Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais – Qualquer área de conhecimento (10);
  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI): Analista em Ciência e Tecnologia – Ciências Humanas, Saúde e/ou Sociais Aplicadas (13);
  • Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI): Analista Técnico Administrativo – História (8); Analista Técnico de Políticas Sociais – ATPS (MGI, MJSP, MDHC, MEC) – Qualquer área de conhecimento (460); Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) – Qualquer área de conhecimento (20); Técnico em Assuntos Educacionais – Pedagogia (2)
  • Ministério da Saúde (MS): Tecnologista nas especialidades de: Vigilância em Saúde e Ambiente (66); Gestão, monitoramento e avaliação de políticas em saúde (71); Farmácia (25); Fomento do Complexo Econômico – Industrial da Saúde (15);
  • Ministério dos Povos Indígenas (MPI): Analista Técnico Administrativo – Qualquer área de conhecimento (30).

Bloco 6: Setores Econômicos e Regulação

  • Advocacia Geral da União (AGU): Economista (35);
  • Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel): Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia – Qualquer área de conhecimento (30);
  • Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS): Especialista em Regulação de Saúde Suplementar – Qualquer área de conhecimento (35);
  • Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq): Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários – Qualquer área de conhecimento (30);
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai): Especialista em Indigenismo – Economia (24);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas – Relações Internacionais (3); Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas – Economia (29);
  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra): Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário – Economia (5);
  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) – Analista em Ciência e Tecnologia nas especialidades de Direito (15); Ciências Humanas e Sociais Aplicadas (11); Políticas Públicas de CT&I (14);
  • Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI): Economista: (27); Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) – Qualquer área de conhecimento (15);
  • Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC): Analista de Comércio Exterior (ACE) – Qualquer área de conhecimento (50); Economista (10);
  • Ministério do Planejamento e Orçamento (MPO): Economista (15);
  • Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc): Especialista em Previdência Complementar – Qualquer área de conhecimento (25).

Bloco 7: Gestão Governamental e Administração Pública

  • Advocacia Geral da União (AGU): Administrador (154); Analista Técnico Administrativo (90); Arquivista (2); Contador (47); Técnico em Comunicação Social (9);
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas – FUNAI: Especialista em Indigenismo nas especialidades de: Administração (26); Arquivologia (1); Biblioteconomia (6); Comunicação Social (10); Contabilidade (12);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas nas especialidades de Ciências Contábeis e Gestão de Pesquisa (26); Educação corporativa e administração escolar (6); Letras (português-inglês) (4); Planejamento, Orçamento e gestão administrativa, auditoria e corregedoria (152); Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas nas especialidades de: Arquivologia (2); Biblioteconomia (4); Comunicação social (28); História (2); Planejamento e gestão técnica, Planejamento e gestão administrativa (41); Produção audiovisual e publicidade e propaganda (10);
  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra): Analista Administrativo nas especialidades de Comunicação Social (8); Contabilidade (21); Graduação em qualquer área de conhecimento (102); Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário – Qualquer área de conhecimento (238);
  • Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep): Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais – Qualquer área de conhecimento (20);
  • Ministério da Agricultura e Pecuária – MAPA: Analista em Ciência e Tecnologia com graduação em qualquer área de conhecimento (18);
  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI): Analista em Ciência e Tecnologia nas especialidades de: Arquivologia (4); Biblioteconomia (5); Comunicação Social (15); Contabilidade (5); e graduação em qualquer área de conhecimento (106);
  • Ministério da Cultura (MinC): Analista Técnico-Administrativo – Qualquer área de conhecimento (50);
  • Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI): Analista Técnico-Administrativo – Qualquer área de conhecimento (182); Arquivista (16); Bibliotecário (4); Contador (5); Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) – Qualquer área de conhecimento (80); Técnico em Comunicação Social (10);
  • Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP): Analista Técnico Administrativo – Qualquer área de conhecimento (100);
  • Ministério da Saúde (MS): Tecnologista – Administração, Contabilidade, Economia ou Estatística (9);
  • Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC): Analista Técnico-Administrativo – Qualquer área de conhecimento (50);
  • Ministério do Planejamento e Orçamento (MPO): Analista Técnico-Administrativo – Qualquer área de conhecimento (45);
  • Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc): Analista Administrativo – Qualquer área de conhecimento (9).

Bloco 8: Nível Intermediário

  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas – FUNAI: Técnico em Indigenismo (152);
  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas – Região Norte (47); Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas – Região Nordeste (86); Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas – Região Centro-Oeste (40); Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas – Região Sudeste (91); Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas – Região Sul (36);
  • Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa): Agente de atividades agropecuárias – Curso Técnico Agrícola com registro Conselho de Classe (100); Agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal – Curso Técnico Agrícola com registro Conselho de Classe (100); Técnico de laboratório – Curso Técnico em Biotecnologia, Análise Clínicas, Metrologia, Química, Agroindústria, Alimentos, Farmácia, Viticultura e Enologia, com registro em Conselho de Classe (40).

No quantitativo de vagas acima mencionado, encontram-se as reservadas para candidatos (AC, PCD) que se enquadrem nos itens especificados no edital de abertura.

No caso específico da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) também há cota de 30% das vagas para indígenas.

Ao serem contratados pelo regime estatutário os profissionais irão atuar em jornadas de 40 horas por semana com remuneração variável de R$ 4.008,24 a R$ 22.921,71.

As inscrições devem ocorrer no site Gov.br, no período de 19 de janeiro até 9 de fevereiro de 2024, com taxas de R$ 60,00 e R$ 90,00.

Estão isentos desse pagamento os candidatos que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico); aqueles que cursam ou cursaram faculdade pelo Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) ou pelo Programa Universidade para Todos (ProUni); assim como aqueles que realizaram transplante de medula óssea.

Os pedidos de isenção devem ser encaminhados entre os dias 19 a 26 de janeiro de 2024, pela página do Concurso Público Nacional Unificado, mediante envio da documentação comprobatória.

Vale ressaltar ainda que no ato da inscrição o candidato deverá escolher o bloco e, em seguida, selecionar as carreiras que deseja concorrer por ordem de prioridade, desde que tenha os requisitos necessários.

As provas que irão acontecer de forma simultânea em 220 cidades do Brasil, tem previsão para ocorrer em 5 de maio de 2024 em dois turnos.

Este certame é composto de provas objetivas e discursivas; perícia médica (avaliação biopsicossocial); procedimento de verificação da condição declarada: reserva de vagas para pessoas negras; procedimento de verificação documental complementar: reserva de vagas a indígenas.

Questões de conhecimentos gerais e específicos vão compor a primeira etapa de classificação. E em alguns cargos, há ainda a prova de títulos.

O prazo de validade deste Concurso Público é de um ano, podendo ser prorrogado uma vez por igual período.

Para obter mais informações acesse em nosso os documentos oficiais.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/concurso-publico-nacional-unificado-divulga-editais-com-6640-vagas-de-nivel-medio-e-superior

Publicado em

INMETRO republica edital do Concurso Público com 860 vagas de nível superior

INMETRO republica edital do Concurso Público com 860 vagas de nível superior

Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO) republicou nesta quinta-feira (21) o edital do Concurso Público a fim de contratar profissionais com nível superior.

De acordo com o edital a 100 oportunidades imediatas para o cargo de Pesquisador – Tecnologista em Metrologia e Qualidade (60) e Analista Executivo em Metrologia e Qualidade (40), além de 760 para cadastro reserva.

As vagas para Analista Executivo em Metrologia e Qualidade estão distribuídas nas áreas de Governança Pública, Gestão e Suporte (29), Governança Pública, Gestão e Suporte em Ouvidoria (2), Governança Pública, Gestão e Suporte em Educação (1), Governança Pública, Gestão e Suporte em Legislação (3), Governança Pública, Gestão e Suporte em Logística e Infraestrutura (2), Governança Pública, Gestão e Suporte em Segurança do Trabalho (1), Governança Pública, Gestão e Suporte em Tecnologia da Informação (1) e Governança Pública, Gestão e Suporte em Comunicação Institucional (1).

Já no caso do Pesquisador – Tecnologista em Metrologia e Qualidade as áreas são: Relações Internacionais (1), Avaliação da Conformidade (10), Acreditação (10), Metrologia de Tecnologia da Informação e Telecomunicações aplicada à Metrologia Legal (2), Metrologia elétrica e Metrologia da Tecnologia da Informação e Telecomunicações aplicada à Metrologia Científica e Industrial (2), Metrologia Química no âmbito da Metrologia Científica e Industrial (1), Metrologia Aplicada às Ciências da Vida (1), Metrologia de Materiais no âmbito da Metrologia Científica e Industrial (1), Metrologia Científica e Industrial – Geral (laboratórios) (5), Controle Metrológico Legal de mercadorias Préembaladas (1), Vigilância de Mercado (3), Metrologia Legal Aplicada – Geral (laboratório) (4), Supervisão de Atividades Delegadas (5), Fiscalização em Metrologia Legal e Avaliação da Conformidade de Rio Grande do Sul (8), Fiscalização em Metrologia Legal e Avaliação da Conformidade de Goiás (6).

Ao serem contratados os servidores vão fazer jus à remuneração inicial de R$ 8.700,31.

Vale ressaltar que no quantitativo de vagas acima mencionadas, encontram-se as reservadas para candidatos que se enquadrem nos itens especificados no edital.

As inscrições serão realizadas no período das 14h do dia 5 de dezembro de 2023 às 23h59 do dia 8 de janeiro de 2024, somente via internet, por meio do site do Idecan. Nesta fase é preciso efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 125,00.

No ato da inscrição, o candidato deverá indicar a cidade na qual irá realizar as provas objetivas e discursivas (Goiânia – GO, Porto Alegre – RS, Brasília – DF, Fortaleza – CE, Salvador – BA e Rio de Janeiro – RJ).

Ainda no ato de sua inscrição, o candidato deverá fazer a opção de Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol) para submeter-se à avaliação na prova objetiva.

Como forma de classificar os inscritos serão realizados exame de habilidades e conhecimentos, mediante aplicação de provas objetivas de múltipla escolha; prova discursiva; prova de títulos e experiência profissional; avaliação biopsicossocial e procedimento de heteroidentificação.

As provas objetivas serão realizadas provavelmente no dia 14 de abril de 2024, nas cidades de Goiânia – GO, Porto Alegre – RS, Brasília – DF, Fortaleza – CE, Salvador – BA e Rio de Janeiro – RJ.

Questões de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Língua Estrangeira, Conhecimento sobre o Inmetro, Conhecimentos específicos, concernentes ao cargo a que está concorrendo serão cobradas na prova objetiva.

O prazo de validade deste Concurso Público será de dois anos, a contar da data de publicação da homologação do resultado final no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual prazo, a critério do INMETRO.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/inmetro-republica-edital-do-concurso-publico-com-860-vagas-de-nivel-superior

Publicado em

Fiocruz retifica um dos três Concursos Público publicados

Fiocruz retifica um dos três Concursos Público publicados

Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz retifica um dos três editais de Concursos Públicos a fim de contratar profissionais para 300 cargos de nível superior.

Segundo o documento (retificação I) referente ao edital de nº 1/2023, foi alterado o conteúdo programático e outros subitens que compreendem as provas.

O edital nº 01/2023, conta com 100 vagas para o cargo de Analista de Gestão em Saúde, na carreira de Gestão em Ciência, Tecnologia, Produção e Inovação em Saúde Pública.

Quando contratados os profissionais irão atuar nas cidades de Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Porto Velho, Recife, Rio de Janeiro e Salvador.

Já o edital nº 02 também tem 100 vagas para Tecnologista em Saúde Pública, na carreira de Desenvolvimento Tecnológico em Ciência, Tecnologia, Produção e Inovação em Saúde Pública.

Neste caso, os servidores irão atuar nas cidades de Belo Horizonte, Curitiba, Manaus, Recife, Rio de Janeiro e Salvador.

E por último tem o edital nº 03, com 100 vagas para o cargo de Pesquisador em Saúde Pública, na carreira de Pesquisa em Ciência, Tecnologia, Produção e Inovação em Saúde Pública, com lotação em Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Manaus, Porto Velho, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e Teresina.

Dentro do quantitativo de vagas, há aquelas reservadas para candidatos que se enquadrem nos itens especificados no edital.

Em todos os casos a jornada de trabalho será de 40 horas semanais, com remuneração variável de R$ 5.735,29 a R$ 12.233,70.

As inscrições são recebidas entre os dias 22 de janeiro de 2024 a 5 de março de 2024, no site da Fiocruz. Nesta etapa é preciso efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 150,00 e R$ 200,00, de acordo com o cargo pretendido.

Os candidatos inscritos no CadÚnico ou doadores de medula óssea poderão solicitar a isenção da taxa de inscrição entre os dias 22 e 24 de janeiro de 2024, no site acima mencionado.

Como forma de classificar os inscritos será realizada prova objetiva, prova discursiva e análise de títulos.

As provas objetivas e discursivas serão aplicadas nas cidades de Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Porto Velho, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e Teresina, com início às 9h, provavelmente no dia 28 de abril de 2024.

Os candidatos inscritos para o cargo de pesquisador não realizarão as provas objetivas.

As provas objetivas serão compostas por 40 questões de múltipla escolha. Já as provas discursivas serão compostas por uma questão discursiva sobre a área de atuação, para os cargos de analista e tecnologista, e por duas questões, para o cargo de pesquisador.

Os candidatos inscritos para o cargo de tecnologista serão avaliados ainda por meio de provas de aula ou provas práticas, a depender da área de atuação pretendida.

Já os candidatos aos cargos de pesquisador vão ser avaliados por meio de apresentação do projeto de atuação profissional e defesa de memorial.

O prazo de validade destes Concursos Públicos será de um ano a partir da data da homologação, prorrogável por igual período, a critério da Administração da Fiocruz.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/fiocruz-retifica-um-dos-tres-concursos-publico-publicados

Publicado em

Petrobras anuncia mais de 7 mil vagas de nível técnico em novo Concurso

Petrobrás anuncia mais de 7 mil vagas de nível técnico em novo Processo Seletivo

A Petróleo Brasileiro S.A. (Petrobras), anuncia a realização de novo Processo Seletivo destinado à contratação de profissionais de nível técnico júnior.

Esta seleção oferece 7.328 vagas, sendo que deste número, 916 oportunidades são para a contratação de imediata de profissionais, enquanto 6.412 são destinadas ao cadastramento reserva dos funcionários públicos.

As oportunidades oferecidas nesta seleção destinam-se às atuações nas seguintes áreas: Enfermagem do Trabalho (12); Inspeção de Equipamentos e Instalações (36); Logística de Transportes – Controle (25); Manutenção – Caldeiraria (46); Manutenção – Elétrica (56); Manutenção – Instrumentação (58); Manutenção – Mecânica (78); Operação (254); Operação de Lastro (16); Projetos, Construção e Montagem – Edificações (11); Projetos, Construção e Montagem – Elétrica (11); Projetos, Construção e Montagem – Instrumentação (8); Projetos, Construção e Montagem – Mecânica (30); Química de Petróleo (83); Segurança do Trabalho (91) e Suprimento de Bens e Serviços – Administração (101).

Vale ressaltar que entre as oportunidades citadas acima, há inclusão de vagas para as pessoas que se enquadram nos critérios do edital.

Para se inscrever, é necessário possuir curso técnico de nível médio na área de interesse. Quando contratados, a remuneração ofertada aos profissionais varia de R$ 3.446,23 a R$ 5.878,82.

É importante comentar que a atuação dos contratados será destinada aos polos de Ipojuca, Região Sudeste e Sul.

As inscrições foram recebidas a partir de quinta-feira, 28 de dezembro de 2023 até às 18h do dia 31 e janeiro de 2024, exclusivamente via internet, no site da organizadora da seleção, a Cebraspe, mediante o pagamento de R$ 62,79 de taxa de participação.

Entretanto, os candidatos que se enquadram nos critérios do edital, puderam solicitar a isenção no valor da taxa no período da inscrição.

Como forma de classificação, os candidatos inscritos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, prevista para ser aplicada no dia 24 de março de 2024.

Vale ressaltar que a prova é composta por 100 questões distribuídas entre os conteúdos de conhecimentos básicos e conhecimentos específicos., tendo a duração de quatro horas

O prazo de validade deste Processo Seletivo será de 18 meses, a contar da data de publicação do edital de homologação dos resultados finais, podendo vir a ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério da Petrobras.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/petrobras-anuncia-mais-de-7-mil-vagas-de-nivel-tecnico-em-novo-processo-seletivo

Publicado em

INPI retifica edital do Concurso Público com 120 vagas

INPI retifica edital do Concurso Público com 120 vagas

Instituto Nacional da Propriedade Industrial – INPI retificou o edital do Concurso Público que tem objetivo de preencher 120 vagas em inúmeros cargos.

De acordo com o documento divulgado no Diário Oficial da União, foram alterados itens do conteúdo programático.

Em nosso site é possível acessar os editais e obter mais informações.

As vagas deste certame são destinadas aos cargos de: Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A1 – Gestão e Suporte – Formação: Administração (14); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A2 – Gestão e Suporte – Formação: Direito (2); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A3 – Gestão e Suporte – Formação: Contabilidade ou Ciências Contábeis (2); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A4 – Gestão e Suporte – Formação: Economia ou Ciências Econômicas (2); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A5 – Gestão e Suporte – Formação: Engenharia Civil (1); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A6 – Gestão e Suporte – Formação: Engenharia Elétrica (1); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A7 – Gestão e Suporte – Formação: Arquitetura (1); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A8 – Gestão e Suporte – Formação: Psicologia (1); Analista De Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A9 – Gestão da Tecnologia da Informação com ênfase em Desenvolvimento e Manutenção de Sistemas (10); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A10 – Gestão da Tecnologia da Informação com ênfase em Infraestrutura de Tecnologia da Informação (4); Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Propriedade Industrial – Área: A11 – Gestão da Tecnologia da Informação com ênfase em Segurança da Informação (2); Pesquisador em Propriedade Industrial – Área: P1 – Biologia Celular e Molecular/Bioquímica/Biotecnologia/Enzimologia/Microbiologia/Imunologia/Bioinformática (5); Pesquisador em Propriedade Industrial – Área: P2 – Bioquímica/Imunologia/Biologia Celular e Molecular/Biotecnologia/Microbiologia (15); Pesquisador em Propriedade Industrial – Área: P3 – Redes de Comunicação Sem Fio/Sistemas de Comunicações Móveis/Sistemas e Redes de Comunicação Digital/Protocolos de Comunicação (10); Pesquisador em Propriedade Industrial – Área: P4 – Processamento de Sinais/Processamento de Dados de Imagem, Áudio ou Voz/Codificação, Compressão e Decodificação de Imagem, Áudio e Voz/Reconhecimento de Padrões (5); Pesquisador em Propriedade Industrial – Área: P5 – Instrumentos e Processos de Medição de Grandezas Físicas, Químicas e Biomédicas/Sensores e Biosensores/Aparelhos de Diagnóstico e Terapia/Biomecânica (5); Tecnologista em Propriedade Industrial – Área: T1 – Formação: qualquer área de formação (40).

A fim de atuar nos cargos é necessário que o candidato tenha a idade mínima de 18 anos, esteja em dia com as obrigações eleitorais, e militares quando do sexo masculino, tenha nível superior completo na área, e dentre outros. Para pessoas que gozam das características listadas no edital, uma porcentagem de vagas será reservada.

O valor da remuneração será de R$ 5.414,01 a R$ 11.205,93, com auxílio de R$ 658,00.

As inscrições devem ser realizadas via site da Cebraspe, a partir das 10h do dia 1º até às 18h do dia 21 de novembro 2023, com a taxa sendo de R$ 116,00. Estará isento da taxa de inscrição, o candidato que durante o período de inscrições declarar ser doador de sangue ou medula óssea.

A avaliação se dará em prova objetiva com conteúdo de conhecimentos básicos, específicos e complementares, além de teste de títulos. A prova objetiva está prevista para ser realizada no dia 14 de janeiro de 2024.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/inpi-retifica-edital-do-concurso-publico-com-120-vagas

Publicado em

MAPA altera requisitos do Processo Seletivo com mais de 300 vagas

MAPA altera requisitos do Processo Seletivo com mais de 300 vagas

Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) informa a todos que o edital do Processo Seletivo com 79 vagas, para atender necessidade temporária de excepcional interesse público foi retificado novamente.

Desta vez a modificação se faz presente no requisito exigido para o cargo de Técnico de Laboratório. O candidato agora deve ter: Ensino Médio Completo, Curso técnico em Biotecnologia, Análises Clínicas, Farmácia, Laboratório de Ciências da Natureza ou Agropecuária e, caso o registro no Conselho Profissional seja de natureza obrigatória, o(a) candidato(a) deverá apresentar o respectivo documento no momento da contratação. Disponibilidade para realização de plantões programados e emergenciais e trabalho em horários extraordinários.

Em nosso site você tem acesso aos editais e pode obter mais informações.

As oportunidades são para os cargos de Farmacêutico (19); Químico (20); Auxiliar de Laboratório (20) e Técnico de Laboratório (20).

Estes servidores quando contratados irão atuar nas cidades de: Brasília – DF; Campinas – SP; Porto Alegre – RS; Pedro Leopoldo – MG; Goiânia – GO; Recife – PE; Belém – PA.

A jornada de trabalho é de 40 horas semanais com remuneração variável de R$ 4.000,00 a R$ 6.130,00.

Vale ressaltar que no quantitativo de vagas acima mencionado, encontram-se as reservadas para candidatos que se enquadrem nos requisitos especificados no edital.

Há ainda 237 oportunidades destinadas à formação de cadastro reserva.

Profissionais que tenham ensino fundamental, médio, técnico e superior podem se inscrever. Também é preciso ter experiência e registro no conselho quando exigido.

As inscrições seguem abertas até 17 de novembro de 2023, no site da organizadora Instituto Verbena. Nesta etapa é preciso efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 80,00, R$ 90,00 e R$ 110,00.

Os candidatos serão submetidos à Análise Curricular e Documental, além de Prova Objetiva ara os cargos e Farmacêutico e Bioquímico, que está prevista para o dia 10 de dezembro de 2023, na cidade de Brasília – DF.

Questões de: Língua Portuguesa, Matemática, Língua Inglesa, Legislação Geral e Conhecimentos Específicos do posto de trabalho vão compor a prova.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/mapa-altera-requisitos-do-processo-seletivo-com-mais-de-300-vagas

Publicado em

Transpetro divulga retifica um dos editais de três Processos Seletivos

Transpetro divulga retifica um dos editais de três Processos Seletivos com mais de 1,6 mil vagas

Petrobras Transporte S.A. (Transpetro) divulgou uma retificação para um dos três editais de Processos Seletivos a fim de preencher vagas em diversas funções.

No documento (retificação I) que se refere ao edital nº 02/2023 ocorreram algumas mudanças no conteúdo programático e no cronograma da seleção.

Sobre as oportunidades

edital nº 01 apresenta 64 vagas para provimento imediato e 448 para formação de cadastro reserva no cargo de Profissional Transpetro de Nível Médio, com ênfase nas áreas: Ambiental (1); Dutos e Terminais (8); Faixa de Dutos (5); Informática (1); Inspeção de Equipamentos e Instalações (7); Manutenção – Elétrica (6); Manutenção – Eletrônica (2); Manutenção – Instrumentação (3); Manutenção – Mecânica (10); Projeto, Construção e Montagem – Edificações (3); Projeto, Construção e Montagem – Mecânica (2); Química do Petróleo (1); e Segurança (7).

Já o edital nº 02 tem 630 vagas formação de cadastro reserva e 90 para provimento imediato destinado a Profissional Transpetro de Nível Superior Júnior, com ênfase em: Administração (4); Advocacia (6); Análise Ambiental (2); Análise de Sistemas – Infraestrutura (1); Análise de Sistemas – Segurança Cibernética e da Informação (2); Análise de Sistemas – Processos de Negócios (2); Análise de Sistemas – SAP – Finanças e Contabilidade (1); Comercialização e Logística – Comércio e Suprimentos (1); Comercialização e Logística – Transporte Marítimo (1); Comunicação Social – Jornalismo (1); Comunicação Social – Publicidade e Propaganda (1); Comunicação Social – Relações Públicas (1); Contabilidade (1); Enfermagem do Trabalho (1); Engenharia Ambiental (3); Engenharia Civil (2); Engenharia de Automação (6); Engenharia de Inspeção (1); Engenharia de Produção (9); Engenharia de Segurança (4); Engenharia de Telecomunicações (3); Engenharia Elétrica (6); Engenharia Geotécnica (2); Engenharia Mecânica (16); Engenharia Naval (5); Engenharia Química (2); Pedagogia (5); Serviço Social (1).

E por fim o edital nº 03, conta com 53 vagas para provimento imediato e 371 destinadas a formação de cadastro reserva, nos cargos de: Auxiliar de Saúde (ASA) (4); Condutor Bombeador (CDM/BBD) (1); Condutor Mecânico (CDM/MEC) (1); Cozinheiro (CZA) (3); Eletricista (ELT) (2); Moço de Convés (MOC) (1); Moço de Máquinas (MOM) (1); Segundo Oficial de Máquinas (2OM) (16); Segundo Oficial de Náutica (2ON) (23); e Taifeiro (TAA) (1).

Os candidatos aprovados vão atuar nos polos do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Pernambuco, São Paulo, Maranhão, Amazonas, Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás, Pará, ou nacional, a depender do cargo e especialidade.

Vale ressaltar que nos quantitativos de vagas informado há aquelas reservadas para candidatos que se enquadrem nos itens especificados em cada edital.

A remuneração varia de R$ 3.294,36 a R$ 12.739,70, sendo exigido nível médio/técnico e superior, de acordo com o cargo pretendido.

Interessados em participar devem se inscrever no site da Fundação Cesgranrio, entre os dias 29 de setembro a 30 de outubro de 2023. Nesta etapa é preciso efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 70,00 ou R$ 100,00, de acordo com o cargo pretendido.

Os candidatos inscritos no CadÚnico ou doadores de medula óssea poderão solicitar a isenção da taxa de inscrição até o dia 9 de outubro de 2023.

Como forma de classificar os inscritos será realizada prova objetiva provavelmente no dia 10 de dezembro de 2023. Questões de língua portuguesa; matemática; língua inglesa, e conhecimentos específicos vão compor a avaliação, podendo variar de acordo com cada função.

Em alguns casos haverá ainda exame de capacidade física composto pelos testes de Corrida de 12 minutos e Natação.

O prazo de validade destes Processos Seletivos Públicos é de um ano, a contar da data de publicação do Edital de homologação dos resultados finais, podendo vir a ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério da Transpetro.

FONTE: https://www.pciconcursos.com.br/noticias/transpetro-divulga-retifica-um-dos-editais-de-tres-processos-seletivos-com-mais-de-1-6-mil-vagas